Home / Destaque / ÉVERTON RIBEIRO REGE O LÍDER CRUZEIRO NA VITÓRIA DE 3 A 0 SOBRE O SANTOS

ÉVERTON RIBEIRO REGE O LÍDER CRUZEIRO NA VITÓRIA DE 3 A 0 SOBRE O SANTOS

770103660e8d13d348579e92ecf32f4d26074f48No 100º jogo sob comando de Marcelo Oliveira, time joga como orquestra afinada e mina chances de reação do Peixe, que perde terceira seguida

por GloboEsporte.com

Os 90 minutos de bola no Mineirão fizeram jus às expectativas de uma boa partida. Com seu inconfundível toque de bola,  no 100º jogo de Marcelo Oliveira no comando, o Cruzeiro parecia uma orquestra afinadíssima. Os 3 a 0 sobre o Santos neste domingo espantaram os dois últimos empates que deixaram o Inter encostar na tabela e até tomar a liderança por um dia. Mas no fim da 15ª rodada do Brasileirão a liderança ficou mantida com os 33 pontos e mostras mais uma vez de superioridade técnica e tática. Éverton Ribeiro, novamente ele, regeu a equipe como um grande maestro, com série de toques rápidos e deslocamentos em velocidade que confundem sempre a defesa adversária. Marcelo Moreno, Ricardo Goulart e Julio Baptista marcaram os gols. O de Julio Baptista surgiu após arrancada sensacional de Éverton.

O Santos saiu do Mineirão amargando a terceira derrota seguida e fica no décimo lugar, com 20 pontos ganhos. E o time, que melhorou com Robinho, já começou pressionado no Mineirão. Desde o começo a Raposa avisou ao Peixe que iria à caça. E Éverton Ribeiro, mais à direita, encontrou em Mayke um bom parceiro por aquele setor. Antes do polêmico primeiro gol, Egídio mostrava bastante vigor pela esquerda. No meio de campo, Lucas Silva e Henrique eram soberanos no desarme e distribuição de jogo. Dedé garantia segurança à zaga.

O Santos não conseguia encaixar o contra-ataque. Robinho tentava, mas não desenvolvia as tramas com Cicinho pela direita e Mena pela esquerda. Bom para a Raposa. Éverton Ribeiro já havia desperdiçado um lance de perigo logo aos oito minutos. Depois, Marcelo Moreno desperdiçou a primeira boa chance ao bater fraco em cima de Aranha. Éverton Ribeiro, ele novamente, mandou a bola para a rede mas tocou a mão na bola. O gol foi bem anulado pelo árbitro.

Fonte: Globoesporte.com

Por Itafatos

About admin