sexta-feira , 24 novembro 2017
10 de Maio de 2013

Megaoperação da Polícia Civil prende mais 51 pessoas em menos de 24h em Minas

Na ação, realizada em todo país para comemorar o aniversário da corporação, 300 pessoas já haviam sido presas até quinta-feira no Estado. Armas e drogas foram apreendidas

A megaoperação realizada pela Polícia Civil em todo país para comemorar os 205 anos da corporação teve continuidade, na madrugada desta sexta-feira, em Minas Gerais. As ações terminaram com 51 pessoas detidas. Ao todo, 351 prisões foram realizadas desde quinta-feira no Estado. Também foram apreendidas 40 armas e mais de cinco quilos de drogas, entre maconha, cocaína e crack. 

Nesta sexta-feira, dois homens suspeitos de homicídios na Região Centro-Sul de Belo Horizonte acabaram detidos. Heriberto Lucas Machado, o Bibi e Júlio Cesar Francisco de Assis, o Brisoka, assassinaram rivais do tráfico de drogas em aglomerados em torno do Bairro São Lucas. Na casa dos criminosos, foi encontrado um carro, utilizado em homicídios, duas máquinas caça-níqueis, uma motocicleta, que não possuía documentação, celulares e outros objetos de procedência duvidosa. Mais dados sobre as prisões serão repassados em uma coletiva de imprensa nesta tarde. 

A megaoperação foi batizada de “PC 27”, já que ocorreu em todos os 26 estados brasileiros, além do Distrito Federal. Ao todo, 2.325 policiais civis participaram nos cumprimentos de mandados. No último balanço divulgado pela Polícia Civil, na noite de quinta-feira, 1.179 pessoas foram presas em todo o país. 

Somente em Minas Gerais, segundo a Polícia Civil, foram cumpridos 560 mandados de busca e apreensão.

Fonte: em.com.br