sábado , 21 outubro 2017
25 de março de 2013

Neymar diz não se incomodar com vaias e nega Barça pela ‘milésima vez’

neymar_apChamado novamente de ‘pipoqueiro’ por parte da torcida, craque garante que não tem acordo assinado com o clube espanhol para deixar o Santos

Novamente chamado de “pipoqueiro” por parte da torcida brasileira no empate de 1 a 1 da Seleção com a Rússia nesta segunda-feira, o atacante Neymar afirmou não ligar para as vaias e voltou a negar que já tenha algum acerto com o Barcelona para deixar o Santos.

Antes da partida, o jornal espanhol “Sport” publicou que o craque já tem um documento assinado com o Barça dando preferência ao clube em uma transferência para o exterior e já teria até recebido € 10 milhões (R$ 26 milhões) de adiantamento.

– Eu já falei mais de mil vezes que não tem nada certo com o Barcelona. Sou jogador do Santos. Isso é o que eu tenho a dizer – afirmou o camisa 11 depois do jogo, ainda no gramado do Stamford Bridge.

Sobre as vaias e críticas de alguns torcedores nas arquibancadas, Neymar garantiu não ligar para os xingamentos. No empate de 2 a 2 com a Itália na última quinta, em Genebra, uma pessoa chegou a exibir uma faixa com a inscrição “pipoqueiro” para o atacante. Nesta segunda, alguns também gritaram a provocação no jogo.

– Isso está cada vez mais normal. Mas não me incomoda. Deve incomodar quem xinga, porque não vai adiantar nada.

Com Neymar apagado em campo, o Brasil só conseguiu o empate aos 44 minutos do segundo tempo, gol de Fred. Para o santista, o resultado não foi tão ruim.

– Queríamos a vitória, mas conseguimos o gol de empate. Melhor o empate do que a derrota.

O camisa 11 afirmou ainda que não sente diferenças entre a marcação de jogadores europeus e a sofrida no futebol brasileiro e que a razão para o mau desempenho é a falta de entrosamento com os companheiros de Seleção.

– É a mesma que eu encontro no Brasil, que também é forte. Lá, eu tenho mais entrosamento com os jogadores do que aqui, estamos buscando entrosamento e uma forma melhor de jogar. Estamos no caminho certo – concluiu.

FONTE: globoesporte.com