domingo , 23 julho 2017
13 de junho de 2016

O MAIOR E MAIS ANTIGO EMPREENDIMENTO DE ITABIRA

Há 157 anos um visionário empreendedor de espirito humanitário, criou o hospital Nossa Senhora das Dores. Talvez ele não imaginasse a total perenidade de sua obra, que sobreviveu a todo tipo de tormenta, se configurando hoje na maior e mais importante empresa privada de Itabira depois da Vale. Sem nunca perder seu espirito filantrópico, é hoje uma multi-empresa, que gera 900 empregos diretos, possui um sistema hoteleiro de 160 leitos, processa 3,0 toneladas de roupas por mês, um restaurante que serve diariamente em torno de 1000 refeições e possui um corpo clinico especializado de mais de 190 profissionais médicos.

Há 157 anos vem funcionando 24 horas por dia nos 365 dias do ano sem nunca fechar suas portas. Este diferencial funcional ao longo do tempo, vem salvando vidas, restaurando a saúde de muitos, sendo o primeiro socorro de todos, independentemente do nível social e econômico. Nenhuma empresa de Itabira e região poderá sobreviver com qualidade e responsabilidade social sem o auxílio permanente da prestação dos serviços do hospital aos seus colaboradores.

Estamos em um novo momento. As mudanças na área da saúde no município colocaram o hospital no centro das atenções e precisamos que a população enxergue a oportunidade dentro da atual crise, como o grande momento do nosso querido hospital crescer e se consolidar, como referência regional. A mesa administrativa do hospital está fazendo a sua parte e criou o grupo de gerenciamento do escritório de projetos e obras, além de inúmeras outras ações e busca de uma melhor e mais dinâmica gestão de todos os processos.

Assinamos a ordem de serviço de três grandes construções. Com a parceria do Estado, apoio de alguns parlamentares, Vale e a Unimed, iniciamos a construção de um novo prédio da hemodiálise, um centro de imagens e um novo pronto atendimento. Estamos entregando mais dez leitos de UTI e em breve vamos inaugurar a cardiologia. Com apoio da Prefeitura, ainda este ano vamos criar os serviços de oncologia. Com esses novos serviços vamos fazer o hospital subir de categoria funcional e ser melhor remunerado pelo SUS e planos de saúde. Para que tudo isso possa acontecer precisamos investir em equipamentos, aumentar e qualificar o efetivo técnico de todas as áreas. Concomitantemente iniciamos também a reforma dos apartamentos, trazendo maior conforto e dignidade aos pacientes.

Enfim, um hospital é uma obra que nunca estará pronta e necessitamos de todos, poder público e privado, para acompanharmos as novas tecnologias e cuidar da saúde e do bem estar de toda população.

Marcio  Labruna

Ex provedor do hospital e membro da mesa administrativa

Por Itafatos