Home / Destaque / Prefeitura se reúne mais uma vez com o Sintsepmi, mantém índices, mas sinaliza novos avanços

Prefeitura se reúne mais uma vez com o Sintsepmi, mantém índices, mas sinaliza novos avanços

A Prefeitura se reuniu, na manhã desta terça-feira (24/02), com o Sindicato dos Trabalhadores e Servidores Públicos Municipais de Itabira (Sintsepmi) para mais uma rodada de negociação. Desta vez, a reunião foi presidida pelo secretário de Governo Ermiton Gomes Machado, que substitui Edilson Lopes de Magalhães e uma comissão especial da Câmara Municipal, composta pelos vereadores Solimar José da Silva, Sebastião Ferreira Leite e Rodrigo Alexandre de Assis Silva.

Na reunião de hoje, Ermiton Gomes deixou claro que as cláusulas econômicas, relativas ao reajuste salarial – 6,23% – e do cartão alimentação – aumentado para R$ 192,00 – são inegociáveis. “São estes os reajustes que a Prefeitura tem capacidade, com responsabilidade, de cumprir até o final do ano. Qualquer outro percentual está fora de cogitação por causa da queda na arrecadação. Chegamos a este percentual depois de muitos estudos de viabilidade econômica”, salientou Ermiton Gomes, endossado pelo secretário municipal de Fazenda Paulo Henrique Gomes de Figueiredo.

A já conhecida dificuldade econômica nacional, a  crise no mercado internacional do minério e redução do orçamento do município neste ano de 2015 foram os principais empecilhos para garantir ganho real aos servidores neste momento.

Outras reinvindicações, porém, não foram descartadas de serem atendidas. A Prefeitura deverá reavaliar a situação dos trabalhadores, revisar o plano de cargos e carreiras e estudar a possibilidade de assegurar aos trabalhadores incentivos de permanência no emprego, como por exemplo, implantar a progressão na carreira atrelada ao tempo de serviço e desempenho.

Também ficou acertado que o pagamento retroativo do piso salarial dos agentes comunitários de saúde e de endemias, além da regularização e implantação do plano de cargos e salários da categoria, serão discutidos na comissão permanente, composta por membros do Sintsepmi, da Câmara Municipal e da Prefeitura.

Com esta nova rodada, questões que contribuíram para que os servidores reprovassem a contraproposta da Prefeitura na assembleia do dia 22, foram revistas e deverão ser reapresentadas na assembleia que será realizada na próxima quinta-feira (26/02).

Consensualmente, o presidente da Câmara, Solimar não colocará nesta terça-feira em votação o projeto de lei que autoriza a Prefeitura a conceder 6,23% de reajuste aos salários dos servidores, em tramitação na Câmara Municipal desde a semana passada, mas ficou acertado que na semana que vem seguirá para votação.

Galeria de Fotos

PMI

Por Itafatos

 

 

 

 

 

 

About admin