quarta-feira , 22 novembro 2017
12 de Abril de 2016

SER EMPRESÁRIO HOJE

IMG_20140206_1025313-150x150Ser empresário hoje é desafiante. Aumentou a concorrência, acabou o lucro fácil, o que vale é a competência, criatividade e necessidade de surpreender o cliente. Ter apenas qualidade hoje não basta, isso é obrigação. Ter preço equilibrado também não é um grande diferencial. Temos que colocar nossa criatividade e ousadia como tempero e permanentemente estar reinventando nosso negócio.

O dinamismo dos avanços tecnológicos, as inversões de valores sociais, os novos cenários políticos e econômicos bombardeiam nosso dia a dia. Temos que nos enxergar dentro do contexto, como agentes do processo, respeitando nossa medida e ocupando os espaços oportunizados. São estes os ingredientes do empreendedor qualquer que seja seu universo de atuação. O crescimento desordenado do estado  trouxe a incapacidade administrativa  e a iniciativa privada deve paulatinamente ocupar este vazio. Administrar hoje é perceber tendências, vencer pressões, enxergar o futuro e antecipar providencias. Para conseguir essa máxima administrativa é preciso focar toda tenção no ser humano, que é o recurso mais estratégico. Ensinar o jovem, futuro profissional empreendedor a SER, depois ensina-lo a conhecer a si próprio, o seu ambiente com visão sistêmica, desenvolvendo a vivencia grupal.

O valor humano qualificado é o adubo do qual se nutre a sociedade e perpetuam as organizações. Antes olhávamos o passado e a partir dos seus valores e tradições planejávamos o futuro. Hoje temos que ser proféticos *Prever para Prover*isso so é possível quando interagimos talentos e ideias. É preciso lembrar sempre que somos todos diferentes e a partir da diversidade construir e enriquecer nossas atitudes dentro do foco a que propomos como empreendedores ativos. Hoje estamos assistindo diariamente pessoas desesperadas que perderam o emprego e nao encontram outro tentando a sobrevivência com negócios próprios. É uma necessidade e ate obrigação lutar e tentar sempre, porem precisamos atentar para a necessidade de análise e conhecimento dos cenários sociais e comerciais, pois, se gastarmos um pouco mais de tempo no planejamento com certeza vamos obter melhores resultados.

Precisamos saber usar nossa capacidade humana na busca de noss plenitude. Temos 23 milhoes de neurônios a disposição, nosso cérebro é um grande computador , mas como qualquer outro, so faz aquilo que ensinamos e ele. É através de nossa inteligência que devemos formatar imagens de prosperidade para alimentar nosso cérebro. Como lideres, educadores e formadores de opinião, temos obrigação de criar cenários e ambientes  melhores para as futuras gerações.

Márcio Labruna