Home / Cotidiano / Galo vê Fernandinho regular para Mundial e pede igualdade de tratamento à Fifa

Galo vê Fernandinho regular para Mundial e pede igualdade de tratamento à Fifa

Dirigente insiste que atacante foi contratado no prazo exigido pela entidade

Publicação:06/11/2013

  

 (Rodrigo Clemente/EM/D.A Press)  

diretor de futebol Eduardo Maluf insiste: Fernandinho foi contratado pelo Atlético no prazo exigido pela Fifa para a inscrição de jogadores no Mundial de Clubes da Fifa.

“O Atlético jogou a final da Copa Libertadores no dia 24 de julho. A janela de transferência terminou no dia 20 de julho. Quando a janela internacional terminou, não sabíamos ainda se seríamos campeões da Libertadores e que participaríamos do Mundial. Nesse período, contratamos o Fernandinho para reforçar nossa equipe. A transferência dele veio antes do dia 20 de julho”, garante Maluf, em pronunciamento na Cidade do Galo.

Esta semana, a Federação Mineira de Futebol recebeu um documento da Confederação Brasileira de Futebol informando o impedimento de Fernandinho atuar no Mundial.

Além do atacante, o Atlético defende a inscrição do zagueiro Emerson e do armador Dátolo, contratados após o prazo estipulado pela Fifa. Para esses casos, o departamento jurídico do clube pede à entidade maior do futebol igualdade de tratamento, uma vez que a janela de transferência de outros países tem períodos distintos.

“Quando pegamos o regulamento, ele é claro que as inscrições se encerram dentro de cada país. E a nossa estava encerrada. Agora, com nosso jurídico, queremos algumas igualdades junto à Fifa. Fernandinho veio antes da janela para o Atlético. E outros jogadores, entendemos que não é justo que cada país tenha datas diferentes de janela. A igualdade tem que ser para todos os participantes. Na Alemanha pode contratar até 31 de agosto. Na China, a janela nem fechou. Não existe essa igualdade”, ressalta Eduardo Maluf.

A lista de 23 jogadores para a disputa do Mundial tem de ser enviada à Fifa até dia 29 próximo. “Temos até 29 de novembro para a Fifa definir se pode ou não. Estamos argumentando com dados que podem nos fazer ter sucesso na reivindicação. A Fifa colocou que (contratação) era até o dia 20 e só fomos receber o regulamento no dia 2 (de agosto). Estamos com uma defesa boa. Estamos fazendo tudo com sensatez”, assegura o dirigente.

O Atlético estreia no Mundial de Clubes no dia 18 de dezembro, em Marrakesh, contra Monterrey (México) ou o vencedor do confronto Raja Casablanca (Marrocos) e Auckland City (Nova Zelândia).

Super Esportes
Scroll To Top